sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Por isto mesmo é que...

... não tenho receio nem pudor em contar as histórias da minha vida e de trabalhar a inventar outras tantas.


A partilha de histórias de vida só nos fazem crescer e tomar consciência do bem precioso que é a vida e a natureza.
Ter consciência da nossa história, ao longo dos anos, ajuda-nos a ser mais serenos e mais bem resolvidos connosco mesmo.
Não tenham medo de assumir e contar, mesmo que em surdina a vocês mesmos, a vossa história.
São as histórias da história da nossa vida que fazem quem somos.
Afinal o que é que fica quando partimos?
A nossa história.

Sem comentários:

Enviar um comentário