terça-feira, 16 de dezembro de 2014

O Lixo da vida

Sim, eu acho que a nossa vida tem lixo, tal como nódoas negras e também daquelas que colocamos na roupa.
As nódoas negras são as mágoas que permanecem.
As nódoas da roupa o que não devíamos ter feito, mas fizemos.
O lixo é o que nos faz ficar tristes, que nos faz pesar a alma.
Tal como nem sempre é fácil fechar o saco da reciclagem, também não é fácil, livrarmos-nos do lixo da nossa vida.
Quantas e quantas vezes nos assalta?
Nos dificulta um sorriso?
Não nos deixa aproveitar um momento?
Tantas e tantas e tantas...
É preciso deixar que o mesmo se vá.
Adoptar a teoria da passagem do camião do lixo e decidirmos-nos a deitar algo fora, nem que seja uma vez por semana.
Ou então ir até à praia, fechar os olhos e ouvir o mar. Imaginar que as ondas, que varrem o lixo da areia, nos lava a alma.
Não façamos de nós um eco-ponto. 
Para fazer da nossa vida uma história limpa é preciso aprendermos a varrer o lixo das nossas vidas.
Sem ele resgatamos sorrisos, sentimo-nos vivos e capazes de seguir em frente.
 (foto by Hélia Gomes)


1 comentário: