domingo, 23 de agosto de 2015

Farias hoje...

... 73 anos.

Não consigo imaginar como serias se aqui estivesses.
Partiste de vez há 21 anos, mas antes disso foste partindo devagarinho.
À medida que os anos passam esqueço-me menos de ti.
Mas é assim que te sei desde 1994.
É assim que te tenho sentido em todos os momentos importantes da minha vida.
É assim que te falo quando preciso de ajuda nos momentos difíceis.
Sei-te aí e aqui quando é preciso.
Um dia vamos reencontrar-nos e aí só quero ter a certeza de que te orgulhas de mim.
Hoje adormeço contigo, pai, ainda mais no meu coração.

Sem comentários:

Enviar um comentário